Entenda o licenciamento do Visual Studio Online

Convenhamos: licenciamento nunca é algo fácil de se entender. Quando envolve uma nova oferta então – como é o caso do Visual Studio Online – as coisas só complicam.

Por outro lado, não dá para fugir dessa discussão. Para garantirmos que nossa empresa está devidamente licenciada (e não está desperdiçando dinheiro pagando mais que o necessário), precisamos entender exatamente como contratar e pagar pelos serviços do Visual Studio Online!


Começando pelo começo

imageVocê já conhece o Visual Studio Online? Não?! Bem, em linhas gerais, o Visual Studio Online (ou VSO) é um serviço que permite o uso do Team Foundation Server (e serviços associados) na nuvem, sem necessidade de instalar uma instância local. Tal como o Office 365, que oferece servidores SharePoint, Exchange e Lync como serviços, poupando-nos do trabalho (e custo) de uma manter infraestrutura interna.

IMPORTANTE: Este post não pretende explicar em detalhes o que é o Visual Studio Online. Se você ainda não o conhece, sugiro que acesso http://www.visualstudio.com/pt-br/products/visual-studio-online-overview-vs. Vá lá agora; eu espero.

Agora, vamos organizar todo o volume de informação que vem por aí. Logo abaixo, falaremos sobre:

  • A conta
  • Modelo de Contratação
  • Planos de assinatura e Níveis de Acesso
  • Assinatura MSDN
  • Valores e Formas de Pagamento
  • Casos Especiais

A Conta

No Visual Studio Online, tudo começa com uma conta. A conta, mal comparando, equivaleria ao seu TFS particular na nuvem.

Quando você cria uma conta, recebe uma instância de TFS no endereço https://<minha_conta>.visualstudio.com.

Você ainda não tem uma conta? Então acesse www.visualstudio.com e clique no link “Obtenha gratuitamente“.

Criando sua conta VSO

Selecione uma edição qualquer de Visual Studio – mesmo que você já tenha o VS instalado na sua máquina. Basta ignorar o download. Porém, se você não tiver o VS, é uma boa oportunidade para baixar o VS Express!

Na sequência, surgirá a opção para criar sua conta. Pode criar, sem medo. A conta é de graça!!!

Criando sua conta VSO

Eu li “de graça”?

Sim, você leu corretamente. Criar uma conta no Visual Studio Online não custa nada. Além disso, toda conta oferece acesso gratuito para até cinco usuários. Ou seja, se você um time de até cinco pessoas, pode usar os recursos do TFS na nuvem (itens de trabalho, controle de versão etc.) sem nenhum custo! Em princípio, você só precisa se preocupar em colocar a mão no bolso a partir do sexto usuário.

Agora, caso cheguemos na situação de precisar de mais do que cinco acessos, precisamos entender como contratar os acessos pagos. Vamos discutir, então, o modelo de contratação.

Modelo de contratação

O Visual Studio Online é contratado por usuário. Ou seja, você precisa ter uma “licença” (na verdade, uma assinatura) para cada usuário que for acessar a sua conta (ou seja, que vá acessar o seu “TFS online”). Existem duas formas de obter um acesso pago ao VSO:

  1. Assinatura Mensal (“pay-as-you-go”). Você pode contratar assinaturas mensais para cada um de seus usuários. Normalmente você só vai se preocupar com isso se precisar de mais de cinco usuários ou se precisar do nível Advanced (falaremos sobre níveis mais adiante);
  2. Benefício da Assinatura MSDN. Toda licença de Visual Studio com uma Assinatura MSDN inclui como benefício o direito de usar o Visual Studio Online gratuitamente. Falaremos desse benefício mais adiante.

E quanto custa tudo isso? Depende de qual plano de assinatura você quer contratar. Vamos a eles.

Planos de assinatura e Níveis de Acesso

Como acontece com outros serviços, o Visual Studio Online também tem diferentes planos, que variam em funcionalidades e preços. Há três planos no Visual Studio Online:

  • Visual Studio Online Basic;
  • Visual Studio Online Professional; e
  • Visual Studio Online Advanced.

Vamos falar primeiro dos planos Basic e Advanced, que correspondem aos dois níveis de acesso de mesmo nome do Visual Studio Online. Falaremos do Professional mais adiante, visto que ele é um caso especial.

image

Basic

O Visual Studio Online Basic contém tudo o que um desenvolvedor tipicamente usa no TFS. Todos os recursos essenciais estão à disposição, tais como:

  • Controle de versão;
  • Itens de trabalho (incluindo task boards); e
  • Automação de build.

Se você está acostumado com o Team Foundation Server on-premise e seus níveis de acesso (introduzidos no TFS 2012), então considere que o nível Basic no VSO equivale ao nível Standard do TFS.

Advanced

Já o Visual Studio Online Advanced oferece todos os recursos do VSO Basic e mais:

De novo: se você está acostumado com o Team Foundation Server on-premise e seus níveis de acesso (introduzidos no TFS 2012), então considere que o nível Advanced no VSO equivale ao nível Full do TFS.

Professional

E o Visual Studio Online Professional? Como disse, ele é um caso bem especial.

O Visual Studio Online Professional é uma assinatura equivalente à Basic mas que inclui o aluguel do Visual Studio Professional. Dessa forma, pequenas empresas têm a opção de alugar o Visual Studio ao invés de comprá-lo. Legal, não? Isso significa que a assinatura VSO Professional é a melhor e mais barata alternativa para desenvolvedores individuais ou pequenas empresas que queiram regularizar sua cópia pirata alternativa de VS Pro.

  • IMPORTANTE: A assinatura VSO Professional é dedicada apenas a desenvolvedores individuais e pequenas empresas. Por isso, há um limite máximo de dez assinaturas VSO Professional. Se, por exemplo, sua empresa precisa licenciar o Visual Studio Pro para 15 pessoas, poderia alugar 10 cópias (via VSO Professional) e comprar as outras cinco. Já é uma baita economia!

Resumindo:

Plano Nível de Acesso
Visual Studio Online Basic Basic
Visual Studio Online Professional Basic
Visual Studio Advanced Advanced

Bom, até aqui já sabemos que existem três planos (Basic, Professional e Advanced) com dois níveis de acesso diferentes (Basic e Advanced). Vamos agora falar das Assinaturas MSDN.

Assinaturas MSDN

Outra forma extremamente conveniente de obter acesso ao Visual Studio Online é através das Assinaturas MSDN. Quando você compra uma licença de Visual Studio, tem a opção de contratar junto uma Assinatura MSDN, que oferece diversos benefícios. Dentre esses benefícios, há um acesso gratuito ao Visual Studio Online. Funciona assim:

  • Adquira seu Visual Studio com MSDN;
  • Ative sua assinatura, associando-a a uma Live ID Microsoft Account;
    • Importante! Sem ativar a assinatura e associá-la a uma Microsoft Account não é possível usar o VSO
  • Associe seu e-mail dessa Microsoft Account à sua conta no VSO. Voilà!

E qual o nível de acesso que eu tenho quando uso o benefício da Assinatura MSDN? Bem, isso depende de qual produto você adquiriu.

Produto Nível de Acesso
Visual Studio Professional w/ MSDN Basic
Visual Studio Premium w/ MSDN Advanced
Visual Studio Ultimate w/ MSDN Advanced
Visual Studio Test Professional w/ MSDN Advanced
MSDN Platforms Advanced

Agora vamos conhecer os valores e formas de pagamento?

Valores e Formas de Pagamento

Para comprar assinaturas mensais do Visual Studio Online você deve ter um plano de Windows Azure, pois o billing é feito através do Windows Azure. Mas para isso você deve primeiro associar sua conta Visual Studio Online à sua conta Windows Azure. No painel de administração do Azure há uma opção Visual Studio Online (1) onde você pode criar ou associar uma conta VSO (2):

image

Ao associar sua conta Visual Studio Online com uma conta Windows Azure, você consegue adicionar novas assinaturas Basic ou Advanced:

Adicionando licenças VSO através do portal Azure

Valores

Os valores praticados atualmente para as assinaturas de Visual Studio Online são:

Plano Valor Promocional(*)
Visual Studio Online Basic US$ 10,00 / mês
Visual Studio Online Professional US$ 22,50 / mês
Visual Studio Advanced US$ 30,00 / mês

(*) Promoção por tempo limitado

O pagamento tipicamente é feito através de cartão de crédito internacional, associado à sua conta Windows Azure, debitado automaticamente todo mês.

Para quem precisa licenciar vários usuários, há uma alternativa mais em conta: um contrato Enterprise Agreement (EA) para Windows Azure. Nessa modalidade de contrato são oferecidos descontos em todos os serviços disponíveis no Windows Azure – e esses descontos estendem-se ao Visual Studio Online.

Casos Especiais

Há alguns casos especiais que merecem destaque:

Early Adopter

Contas Visual Studio Online criadas antes de 13 de Dezembro de 2013 foram beneficiadas com um status especial: o de Early Adopters. Essas contas podem associar gratuitamente usuários ilimitados, todos com acesso no nível Advanced. Esse benefício, entretanto, tem data para acabar: dia 7 de Maio de 2014.

Web Test Case Management

Tanto o Team Foundation Server 2013 quanto o Visual Studio Online têm uma funcionalidade muito bacana: o Web Test Case Management (ou Web TCM) – que, em linhas gerais, é uma versão Web do Microsoft Test Manager.

Web Test Case Management

Para acessar o Web TCM, não basta uma assinatura Advanced. É preciso ter uma licença do Microsoft Test Manager, que pode ser adquirida como parte de um dos produtos a seguir. Ou seja, apenas usuários licenciados via Assinatura MSDN podem usar o Web TCM.

  • Visual Studio Test Professional w/ MSDN
  • Visual Studio Premium w/ MSDN
  • Visual Studio Ultimate w/ MSDN

Conclusão

Espero que este post tenha jogado alguma luz sobre esse tópico espinhoso. Para saber mais, consulte a referência oficial da Microsoft sobre licenciamento de Visual Studio: o Visual Studio and MSDN Licensing Whitepaper.

 

Um abraço,
Igor

One thought on “Entenda o licenciamento do Visual Studio Online

  1. Pingback: Entenda o licenciamento do Visual Studio Online | Blogs da Lambda3

Deixe seu comentário!